Dicas para prevenir e tratar as estrias da gravidez

Se tem uma marca nada agradável que a gestação pode deixar, essa marca é a estria – ou melhor, estrias, pois é assim que a gente conhece as desagradáveis linhas que surgem aos montes na pele.

Quem dera fosse uma apenas, pequena, e que voltasse rapidinho ao planeta das imperfeições do qual veio. Como passe de mágica. Mas não é assim que a banda toca, lamento…

As estrias são comuns durante a gravidez e aparecem principalmente nos seios, barriga e coxas. Primeiro, consistem em pequenas linhas rosadas; mais tarde elas tendem a ficar brancas, marcando a pele de vez.

Marcam porque são, na verdade, cicatrizes, que se formam quando a pele estica rapidamente em um curto espaço de tempo. É o que acontece com a barriga e as mamas da mulher devido ao crescimento do bebê.

As gravidinhas ficam bastante propensas às famigeradas estrias, pois os hormônios sofrem alterações – aliás, o corpo delas praticamente inteiro passa por mudanças para abrigar e cuidar do novo ser em formação. Lindo, realmente.

E para deixar tudo isso melhor ainda, algumas medidas podem ser tomadas. Veja dicas para prevenir e tratar as estrias da gravidez:

Passar creme e óleos hidratantes

Mas com atenção às formulações, sempre dando preferência aos produtos específicos para gestantes, ok? Na dúvida, pergunte ao médico se pode ou não usar determinado item.

Cremes e óleos ricos em Vitamina E são bastante recomendados para hidratar profundamente a pele da grávida. Eles aumentam a elasticidade dos tecidos, reduzindo as chances de aparecimento das cicatrizes ou melhorando o aspecto delas quando já se formaram.

O Óleo Bio-Oil, por exemplo, é indicado a partir do quarto mês de gravidez em áreas que sejam propensas a estrias (mamas, glúteos, coxas, abdômen e seios).

Controlar o peso ao longo da gravidez

Certamente um cuidado que traz diversos outros benefícios à saúde e beleza da futura mamãe, além de prevenir as estrias.

Use roupa íntima apropriada

Conforto é essencial, porém, a lingerie precisa segurar bem a barriguinha e as mamas. Isso também auxilia na prevenção das cicatrizes que comprometem o visual e abalam a autoestima feminina.

Portanto, capriche na sustentação, invista roupa íntima adequada e deixe as largas para calças, saias, macacões, vestidos e muitos outros que não comprometam a circulação sanguínea.

Cuidados com a alimentação

Fazer refeições frequentes e equilibradas, nas quais não podem faltar todos os grupos de alimentos, entre outras ações que auxiliam na manutenção do bem-estar de mãe e filho. Acompanhamento profissional é muito bem-vindo!

Aposte nos alimentos ricos em vitamina C e E. São as frutas cítricas, itens ricos em antioxidantes, como betacaroteno ou flavonoides.

Eles são importantes porque atuam como estimulantes do colágeno da pele, contribuindo também para o combate às estrias.

E ainda: alimentos ricos em vitamina E (cereais integrais, óleos vegetais e sementes) protegem nossas células. A própria vitamina E é um antioxidante poderoso, com propriedades anti age.

Massageie regularmente a barriga e as mamas

Isso ajuda a ativar a circulação nestas regiões. Faça isso diariamente, principalmente nos pontos do corpo com maior tendência a estrias.

Aproveite o momento pós-banho para aplicar o óleo ou creme hidratante, deixando a pele mais maleável e relaxando.

Com as dicas acima, é possível manter a pele longe das estrias durante a gravidez. Ou, pelo menos, reduzir a intensidade delas caso apareçam. Às vezes, por mais cuidado que tenhamos, as teimosas dão o ar da graça. (Oi? Graça?) Enfim…

É isso! Aproveite as dicas para prevenir e tratar as estrias da gravidez.

Até breve com muitas outras!

    1. Lena May 9, 2017

    Add Your Comment