Remédio natural para engravidar; conheça algumas dicas

Algumas mulheres têm uma facilidade enorme para ficar grávida. Outras precisam de uma ajuda da medicina. Só que, como qualquer medicamento, os produzidos para estimular a reprodução possuem efeitos colaterais.

O uso de remédios para engravidar é capaz de desencadear: ganho de peso, dor nos seios, enjoos, vômito, alterações no humor, dor de cabeça, cansaço acima do normal, insônia e, em certos casos, depressão e cistos ovarianos.

Uma mulher que está tomando remédio alopático precisa ficar atenta a sintomas como dores abdominais e ganho rápido de peso. Eles podem ser indícios da síndrome do hiperestímulo ovariano. É quando o abdômen fica cheio de líquido, levando à internação da paciente ou complicações fatais.

É claro que todas as substâncias, até mesmo as naturais, devem ser administradas com cautela e acompanhamento, depois de uma minuciosa investigação sobre qual é o problema que pode estar atrapalhando o sonho de ser mãe.

Nem sempre o empecilho está na parceira. Os homens também podem apresentar infertilidade por uma série de motivos, alguns deles transitórios, outros mais sérios e demorados de se resolver.

Detalhe importante: nem sempre o que serviu para uma amiga ou conhecida serve para você. Determinados remédios naturais não vão surtir qualquer efeito; outros são capazes de afetar mais gravemente uma possível alteração que já exista no seu organismo.

remédio-natural-para-engravidar

Apesar de existirem os famosos indutores de ovulação, indicados para quem não ovula ou o faz de modo irregular, há quem prefira tentar um remédio natural para engravidar. São produtos que podem ser produzidos por meio da homeopatia, que trazem princípios ativos naturais.

E não é de hoje que produtos naturais dão uma forcinha à fertilidade. Muitas tribos indígenas há tempos recorrem ao uso de ervas para limpeza do organismo e estimulação da procriação.

Lembrando, ainda, que cuidar da alimentação, fazer atividade física e reduzir o estresse fazem parte do conjunto de cuidados que toda pessoa deve adotar para ter uma vida mais saudável e tranquila. Um contexto que favorece a gestação, evitando inclusive o risco de doenças no feto.

Para obter resultados melhores em termos de fertilidade, é possível contar com ajuda de remédio natural para engravidar que contenha:

Gérmen de trigo – é um cereal encontrado em casas de produtos naturais, ervanários e supermercados, em forma sólida ou líquida. Ele é rico em nutrientes como vitaminas e antioxidantes, que favorecem a reprodução humana.

Chá de mentrasto – também é chamada de erva de São João (Ageratum conyzoides L.). Serve para limpar o útero, combatendo infecções e inflamações no órgão. Mas é contraindicado para diabéticas.

Ácido fólico – assim como o gérmen de trigo, estimula a fertilidade e ainda auxilia na formação do feto, evitando que ele tenha problemas congênitos. Farmácias e ervanárias comercializam o ácido fólico.

Certos alimentos são verdadeiros remédios naturais para engravidar e estão logo ali ao nosso alcance. Muitas vezes com um custo baixo, acessível a todos.

Inclua na sua dieta ovos, azeite, óleo de girassol, grão-de-bico e carnes vermelhas. São itens ricos em vitamina E, zinco e vitaminas do complexo B, capazes de estimular a concepção, porque atuam no sistema hormonal da mulher.

O consumo de chá de calêndula e geleia real é indicado para impulsionar o sistema reprodutivo feminino, mas até agora nada foi comprovado cientificamente.

A busca pela saúde é o principal caminho para reverter quadros que impedem a gravidez.

Uma alimentação balanceada, rica em proteínas, é uma aliada e tanto. É fundamental, também, abandonar hábitos nocivos como o tabagismo e o uso de álcool e outras drogas.

Nenhum método radical deve ser executado na tentativa de gerar um filho, por mais demorado que possa ser o processo. E tudo deve contar com a orientação médica!

Cuide-se e boa sorte!
Até breve…