Todos os tipos de testes de gravidez

A menstruação atrasada em quem tem o ciclo certinho já levanta suspeita de que um baby pode estar vindo por aí. Pois se isso está acontecendo com você ou, quem sabe, uma amiga, hoje eu trago conteúdo sobre todos os tipos de testes de gravidez mais confiáveis. Dá uma olhada:

Exame de farmácia

É, sem dúvida, um dos primeiros na lista de testes de gravidez. Principalmente quando é preciso um resultado rápido. Existem diversas marcas e o acesso a elas é fácil, assim como o modo de usar: geralmente, na primeira urina da manhã.

O teste de gravidez de farmácia identifica a presença do hormônio gonadrofina coriônica humana na urina, pois a substância é produzida abundantemente pelo organismo no período da gravidez.

A confiabilidade dos testes de gravidez vendidos em farmácia varia de 95% a 99%, dependendo da marca.

Quando fazer o teste de gravidez? Ao perceber o atraso da menstruação.

Um detalhe importante: embora muitos dos testes de farmácia permitam descobrir a gravidez antes mesmo da menstruação atrasar para valer (e não apenas de 2 a 5 dias), o ideal é esperar, ok?

O resultado do teste tem boas chances de ser negativo se você não esperar o ciclo atrasar ou fizer o exame de farmácia poucos dias após a relação sexual que deixou aquela pulguinha atrás da orelha.

Na hora de escolher o teste, para maior segurança, procure sempre o número de registro no Ministério da Saúde na embalagem – normalmente, ele aparece depois da sigla MS. Nem todas as marcas são confiáveis!

Exame de sangue

É o mais recomendado pelos médicos, pois sua eficácia chega a 100%. O nome oficial do exame de sangue para detectar a gravidez é Beta HCG, que é a sigla da tal gonadrofina coriônica humana, sintetizada em grande escala durante a gestação.

Basta uma simples coleta de sangue para confirmar ou não a gravidez, sendo que o resultado do Beta HCG fica pronto em até 24 horas – dependendo do laboratório.

Para manter seu nível de confiabilidade, o exame de sangue realizado em laboratório deve ser feito oito ou nove dias após a fecundação, ou seja, bem antes do atraso menstrual. Porém, há quem afirme que sete dias após a relação sexual desprotegida já é possível revelar a gravidez por meio dele.

Ultrassom transvaginal

O ultrassom transvaginal também serve para identificar uma gestação, e é considerado muito seguro.

Ele permite a visualização de todo o aparelho reprodutor, mostrando facilmente a presença do feto. Além disso, ainda é indicado para avaliar uma possível gravidez fora do útero.

A imagem da gestação pelo ultrassom é visível a partir de cinco semanas, isto é, depois de uma semana de atraso em mulheres com ciclos regulares.

Lembrando que o tempo gestacional é calculado levando em conta a data da última menstruação, e não da concepção. Assim, cinco semanas de gestação significa uma semana de atraso.

Para realizar o ultrassom transvaginal, é necessária a prescrição médica.

De uma forma geral, os médicos indicam testes de gravidez depois do atraso menstrual, pois nesse período pode ser que o óvulo fecundado não consiga se firmar no útero como deveria. O resultado: um aborto espontâneo, que é confundido com a menstruação.

E mais: o atraso menstrual é um forte indício de gravidez. Mas existem outros sinais clínicos para ficar de olho antes mesmo da ausência do sangramento mensal: dores e inchaço nas mamas, escurecimento da aréola, sonolência, entre outros que você pode conferir no artigo Sintomas de Gravidez.

Boa leitura, e até a próxima!